in

Jovem que deu à luz em cadeira de dentista sem saber que estava grávida é multada: ‘É muito bizarro’

Policiais organizaram campanha para quitar a multa aplicada por consultório odontológico.

UOL

Um caso bastante atípico foi revelado na última semana na cidade de Velp, na Holanda, e ganhou repercussão mundial. Paciente em um consultório de dentista, a jovem Jessica Aaldering, de 23 anos, deu à luz na cadeira de atendimento sem saber que estava grávida. 

Publicidade

Contudo, segundo informações do portal 7News, a mulher acabou sendo multada em cerca de R$ 1,4 mil pela equipe de limpeza do local. Durante o período gestacional desconhecido, Jessica teve o ciclo menstrual normalmente e não percebeu nenhum tipo de mudança no corpo que pudesse sinalizar a gravidez. 

Retornando para casa após levar o filho caçula na escola, Jessica apresentou contrações pré-parto fortes, até que foi amparada por dois policiais. Identificados como Rob van Duuren e Milan van der Heijden, os oficiais levaram a jovem rapidamente para um consultório odontológico que estava bem próximo do local. 

Publicidade

Jessica só se deu conta que estava prestar a dar à luz quando sentou na cadeira de dentista. Os próprios policiais realizaram o parto de emergência, e ainda fizeram uma massagem cardíaca no recém-nascido, que veio ao mundo com dificuldade de respirar. 

Publicidade

Multa

Batizado como Herman, o bebê foi levado com a mãe para um hospital próximo do consultório de dentista. Para a revolta de Jessica, os responsáveis pelo consultório aplicaram uma multa por conta do nascimento esperado no local. 

Publicidade

“É muito bizarro que eles se atrevam a me enviar uma fatura por isso”, lamentou Jessica.

Depois de ter realizado o parto da criança, a polícia local ainda arrecadou o montante para quitar a multa. Com isso, Jessica e seus familiares não precisaram pagar nada pelo ocorrido.

Publicidade
Publicidade
Publicidade