in

Incêndio atinge ala de Covid-19 em hospital na Bahia e gera cenário de pânico entre pacientes e destruição

Incêndio se deu após um curto circuito em um ar condicionado; fumaça se espalhou por todo o hospital.

G1

Única unidade médica do município de Guaratinga, na Bahia, o Hospital Maternidade Joana Moura, protagonizou um incêndio na ala de tratamento de pacientes com Covid-19 neste domingo (07). Como o fogo deixou um cenário de destruição no local, os pacientes estão sendo transferidos para outras unidades hospitalares de regiões próximas. 

Publicidade

Segundo relato de funcionários, o foco do incêndio se deu por conta de um curto circuito no ar condicionado que fica instalado na ala de tratamento de pacientes com o coronavírus. Após as chamas serem iniciadas, uma grande cortina de fumaça se espalhou por toda a unidade hospitalar.

Diante disso, houve uma intensa movimentação dos funcionários para remover os pacientes que estavam internados. Pelo comprometimento do local, as pessoas foram levadas para o meio da rua. 

Publicidade

Para comportar os pacientes que ficaram desalojados, foi montado um hospital provisório em uma escola, situada há 50 metros do Hospital Maternidade Joana Moura. Pacientes com estado de saúde menos grave foram levados para a estrutura improvisada. Um homem que estava em estado mais grave foi transferido para o Hospital Frei Ricardo, que ficam em Itabela, município vizinho. Outros pacientes com saúde mais debilitada também seriam conduzidos para a unidade nesta segunda-feira (08).

Publicidade

Vistoria

Interditado, o Hospital Maternidade Joana Moura será reavaliado por técnicos nesta segunda-feira (08) para ser identificada a proporção da destruição por conta do incêndio. Em algumas fotos e vídeos divulgadas pela TV Bahia, afiliada da Globo no local, é possível perceber o cenário de destruição no interior da unidade.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade