in

Amigos desaparecem em alto mar e familiares se desesperam; quatro corpos já foram encontrados

Grupo de cinco amigos viajava do Rio de Janeiro para Fortaleza, mas não chegaram ao destino.

Reprodução: Globo

Ricardo Kirst, Domingos Sávio, Guilherme Ambrósio, Cláudio de Souza e Wilson Martins dos Santos são os amigos que faziam uma viagem de lancha do Rio de Janeiro para Fortaleza. Eles saíram do Rio no dia 26 de janeiro. A lancha era de Ricardo e havia sido comprada no ano passado. Ele tinha o sonho de fazer esta viagem e convidou os amigos.

Publicidade

Até ontem, a Marinha ainda realizava buscas e quatro corpos já foram encontrados. Dois foram identificados como sendo de Ricardo e de Wilson. Os familiares estão desesperados. Em entrevista ao Fantástico, Gabriela Kauffman, neta de Guilherme, homem que foi contratado para guiar a embarcação, contou que recebeu uma mensagem do avô.

Ele dizia que estava ancorado em frente à cidade de São Tomé e queria chegar em Vitória, no Espírito Santo, no dia seguinte. Guilherme também falou que havia muito vento. De acordo com o comandante de uma outra embarcação, os ventos na região do acidente eram de 80 quilômetros por hora.

Publicidade

Publicidade

“Domingos, tá tudo bem? ‘Não, tá feio’. Mas como feio? ‘Muito vento, muito temporal, muita chuva’. Então pára na terra, Domingos, vai pra costa. ‘Não tem condições Tatiana, a gente já fundiou'”, desabafou, em lágrimas, a mulher de Ricardo. Ela saiu do Ceará para Macaé para acompanhar as buscas e afirmou também que o marido era experiente.

Publicidade

A Marinha prossegue com as buscas na região onde quatro corpos e pedaços da embarcação foram encontrados. A esposa de Cláudio, Eurídice Oliveira, mantém a esperança e a fé de que o marido será encontrado com vida.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!