in

Adolescente de 17 anos venceu câncer raro por três vezes; mas não resiste à Covid-19

Infelizmente, a jovem acabou se tornando mais uma das vítimas da pandemia do coronavírus.

Noticiasaominuto

A Covid-19 é um dos grandes problemas de saúde da atualidade. A enfermidade vem assolando o mundo desde o final do ano de 2019, quando surgiu na China e acabou se espalhando pelo mundo inteiro, tornando-se um das pandemias mais terríveis que já atingiu a humanidade.

Publicidade

Infelizmente, o mundo já perdeu mais de dois milhões de vidas em virtude da pandemia do coronavírus. Alguns países enfrentam uma segunda onda da doença, que tem sido tão catastrófica quanto a primeira onda.

No Brasil, a situação não tem sido diferente. No total, o país já ultrapassou a marca de 220 mil mortes e mais de 8 milhões foram infectados com a doença. Em meio ao caos provocado pela doença, muitas histórias vão se desenhando e gerando comoção. Esse é o caso da jovem de 17 anos, que travou uma árdua batalha contra o câncer durante a sua vida, mas não conseguiu sobreviver ao coronavírus.

Publicidade

Aspen Deke entrou para a triste estatística das vítimas fatais da pandemia. Apesar de lutar bravamente pela vida ao enfrentar um câncer raro, a leucemia linfoblástica, ela acabou morrendo por causa de complicações da Covid-19.

Publicidade

A adolescente foi submetida a um transplante de medula óssea, fez imunoterapia com células CAR-T e venceu por três vezes o raro câncer. Contudo, ao ser contaminada pela Covid no mês de novembro do ano passado, Aspen não conseguiu sobreviver.

Publicidade

Depois de ter ficado muitos dias com febre alta, ela foi hospitalizada com problemas respiratórios. A garota chegou a melhorar e até voltou para casa, porém, no mês de dezembro, foi constatada uma pneumonia provocada pela Covid, que afetou os pulmões.

Mesmo com todo esforço na tentativa de salvar a vida da jovem moradora de Missouri, nos Estados Unidos, ela acabou morrendo neste último final de semana. De acordo com a informação de um página que foi criada para angariar fundos para o tratamento de Aspen, a adolescente partiu nos braços dos pais.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Shyrlene Souza

Redatora na web desde 2016, formada em ciências contábeis, apaixonada pela redação desde criança. Escrevo sobre assuntos diversos, famosos, maternidade e notícias que se destacam no Brasil e no mundo.