in

Menino de 11 anos encontrado em barril chorou e disse que não aguentava mais essa vida; ele clama por adoção

A criança foi encontrada em péssimas condições de vida dentro de sua residência.

G1 / R7 / montagem

Nesta semana, um caso gerou grande revolta na população de todo o país. Uma criança, de apenas 11 anos de idade, foi encontrada acorrentada dentro de um barril na residência onde vivia com a madrasta e o pai adotivo.

Publicidade

O menino, que não teve o nome divulgado, foi resgatado pela Polícia Militar no último dia 30 após receber uma denúncia anônima por telefone. Pessoa que ligou afirmou haver uma criança presa em um dos cômodos da casa e, ao chegar no local, no Jardim das Andorinhas, as autoridades averiguaram e encontram o menino.

A vítima ficava por longos períodos sob o sol e foi encontrado desidratado e desnutrido. A criança estava pesando cerca de 25kg, o que é abaixo da média para pessoas de sua idade. O menino foi resgatado e o pai, a madrasta e a irmã mais velha foram presos por cárcere privado.

Publicidade

Depois de ser resgatado, o garoto, chorando, disse para a polícia que já não aguentava mais essa vida e que queria ser adotado. A criança será levada para um abrigo, de acordo com a equipe do conselho tutelar, que irá cuidar do seu caso.

Publicidade

De acordo com informações iniciais, o pai e a irmã da criança, que são usuários de drogas, costumavam deixá-la presa para poderem sair para ir a bares. O menino conta que quando sentia fome se obrigava a comer as próprias fezes.

Publicidade

A criança foi levada para uma unidade de saúde para que pudesse receber os devidos cuidados médicos, pois estava em péssimas condições físicas devido à falta de alimentação e de água. Logo que tiver alta, a vítima da crueldade deverá ser encaminhada para um abrigo.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.