in

Incêndio de grandes proporções atinge hospital em Santiago e leva pânico e desespero aos pacientes e médicos

Grande cortina de fumaça foi formada na parte superior da unidade de saúde; ministro se pronuncia.

G1

Um grande incêndio atingiu o Hospital Clínico San Borja Arriarán, em Santiago, no Chile, na manhã deste sábado (30). As áreas que são ocupadas por pacientes não foram afetadas pela chama. De acordo com autoridades do país, o fogo está controlado. 

Publicidade

Em nota, o Ministério da Saúde chileno informou que as chamas atingiram caldeiras, instalações elétricas da unidade, e outras áreas não especificadas. Por questões de segurança, os pacientes estão sendo transferidos para outros hospitais próximos, inclusive recém-nascidos. 

Apelo

Presente no local da ocorrência, o ministro da Saúde chileno, Enrique Paris, fez um pedido de calma para familiares dos pacientes e todos que trabalham na unidade, e ainda destacou a importância de ter cautela na remoção de pacientes com Covid-19, uma vez que a transferência pode ser fatal. 

Publicidade

“Até agora não houve mortes. Quero dar tranquilidade aos familiares. Agradeço aos funcionários pelo trabalho realizado”, afirmou Enrique em entrevista à imprensa local. 

Publicidade

Através de seu perfil nas redes sociais, o Hospital Clínico San Borja Arriarán informou que as chamas já foram controladas, e que tudo está sendo feito pensando na integridade e segurança dos pacientes internados. 

Publicidade

Diante da necessidade de evacuação do prédio, um hospital de campanha para atendimento aos pacientes foi montada na parte externa do hospital com tendas. 

Em imagens divulgadas percebe-se uma grande cortina de fumaça saindo da unidade. Na parte externa da unidade, funcionários, familiares e imprensa aguardavam mais informações sobre o incidente. 

Segundo a última atualização feita pelo Corpo de Bombeiros local, 37 veículos e mais de 100 homens trabalhavam na contenção das chamas. 

Publicidade
Publicidade