in

Morre menino de 2 anos após se engasgar com brinquedo, e pai comove com desabafo

A criança brincava na casa da avó materna quando se engasgou com a peça de brinquedo.

G1

O pequeno Luiz Otávio Aquino Madureira, o menino de dois anos que se engasgou com uma peça de brinquedo, morreu após ficar internado por 12 dias lutando pela vida. A criança estava no CTI – Centro de Tratamento Intensivo da Santa Casa, na cidade de Montes Claros, interior do estado de Minas Gerais.

Publicidade

A informação foi confirmada pela assessoria de comunicação do hospital, que relatou que a morte aconteceu nesta quinta-feira, 28 de janeiro, às 11h37. Charles Madureira, pai do pequeno Luiz, fez questão de gravar um vídeo e compartilhou em sua rede social para poder comunicar a morte do filho e agradecer a corrente de oração que foi feita em prol da recuperação da criança.

“Infelizmente, nosso guerreiro não resistiu. Agradeço imensamente a cada um de vocês que ajoelhou e clamou por Deus pedindo a misericórdia, pedindo a ressurreição do nosso filho, mas foi feita a vontade de Deus. Infelizmente foram feitos todos os testes e constatou a morte encefálica, não tem mais o que fazer, é só mesmo pedir a Deus para continuar dando forças para nós porque não é fácil”, desabafou, extremamente emocionado.

Publicidade

O pai ainda falou da importância de ter o filho durante esses dois anos. Ele ressaltou que sua passagem foi marcada para demonstrar a importância do amor e a aproximação com Deus e a fé. Apesar de todo sofrimento em relação à perda do pequeno, a família teve um lindo gesto de amor para com o próximo e autorizou a doação de órgãos de Luiz, que vai poder ajudar a salvar outras vidas.

Publicidade

A assessoria da unidade de saúde disse, através da assessoria, que os exames para poder verificar se a captação dos órgãos será possível está sendo feita. Os resultados devem ser divulgados na parte da manhã desta sexta-feira, 29 de janeiro. O número de receptores serão definidos conforme a quantidade de órgãos captados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade