in

Mulher tem couro cabeludo arrancado após gravíssimo acidente entre caminhões no DF; outros 3 ficaram feridos

Acidente envolveu ainda um carro de passeio, que teve três ocupantes feridas após a colisão.

Metrópoles

Um acidente envolvendo dois caminhões e um carro de passeio foi registrado na noite da última quarta-feira (27), na rodovia DF-150, próximo da fábrica de cimento Tocantins. Ao todo, quatro pessoas ficaram feridas, uma delas sofreu escalpelamento frontal de crânio e precisou ser internada. 

Publicidade

O condutor do primeiro caminhão era Fabiano Alvino Varelo, que estava carregado com cimento, e não se feriu na colisão. O outro veículo de carga era dirigido por Milton Pereira de Souza, que recebeu os primeiros atendimentos e, posteriormente, foi encaminhado para o Hospital da Base do Distrito Federal (HBDF), tendo sofrido edema e escoriações na face e braços. O motorista estava consciente e estável. O caminhão que ele conduzia carregava areia. 

Além dos dois caminhões, um Fiat Siena também se envolveu no acidente. O condutor, identificado como Ismael Cardoso de Souza Silva, não teve ferimentos. Contudo, uma das passageiras do carro, Benedita da Silva, de 60 anos, precisou de atendimento e foi encaminhada para o Hospital de Sobradinho, com sinais de traumatismo craniano, fratura do braço direito e com escalpelamento frontal de crânio. Ela estava desorientada e apresentava instabilidade no quadro de saúde. 

Publicidade

Outras duas mulheres foram transportadas para o hospital com ferimentos. Edna Alves Dias, de 44 anos, tinha suspeita de traumatismo, laceração do braço e incisão no crânio, enquanto Juscelina da Costa Souza, não teve o estado de saúde divulgado. 

Publicidade

Relatos

De acordo com depoimentos de testemunhas, o caminhão que estava carregado de areia colidiu primeiro no veículo de passeio, posteriormente bateu no outro caminhão, e tombou na rodovia. As causas do acidente seguem sob investigação pelas autoridades.

Publicidade
Publicidade