in

Mãe que matou a filha de 5 anos recebe ataques e triste ironia vem à tona

Mulher matou a própria filha na cidade de Maravilha, em Alagoas, no último domingo (24).

Facebook Josimare Silva

O caso Brenda repercute nas redes sociais. A menina Brenda Carollyne da Silva, de apenas 5 anos, foi morta pela própria mãe, Josimare da Silva, no último domingo (24). O crime teria ocorrido depois que Josimare teve um ataque psicótico. A mulher arrancou parte da língua e dos olhos da filha, de acordo com o Delegado Carlos Reis.

Publicidade

Gerente da Polícia Judiciária da Região 4 (GPJ-4), o delegado informou que a mulher foi presa em flagrante no povoado de São Cristóvão. Ela rezava quando a polícia chegou para levá-la presa. No Facebook, Josimare exibia uma frase tristemente irônica. “Família em primeiro lugar”.

Na mesma rede social, a mulher tem recebido muitos ataques. Como somente seus amigos podem comentar e ver as fotos que ela exibe nas redes sociais, muitos internautas estão compartilhando a foto de capa (visível para qualquer pessoa) com ataques à mulher que deve passar muitos anos atrás das grades.

Publicidade

As pessoas não conseguem entender como ela, que aparecia sempre tão feliz ao lado da filha, teve a coragem de matar a menina de uma forma tão cruel. Na última atualização de perfil, com tema de ano novo, Josimare aparece ao lado de Brenda, do marido e de um cãozinho de estimação.

Publicidade

“Esse mundo está perdido”, escreveu uma mulher que compartilhou a foto de capa da suspeita do crime. “Ordinária, como que a pessoa tem coragem de fazer uma coisa dessa com uma criança, mano. Cadeia é pouco pra essa nojenta”, escreveu mais uma. O crime cruel deixou muitas mulheres revoltadas com a situação.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!