in

Enfermeira polemiza ao publicar vídeo sem máscara em hospital e zombar de vacina contra Covid: ‘Tomei água’

Profissional de saúde mudou o seu perfil nas redes sociais para privado após as polêmicas com vídeos publicados.

Metrópoles

Um vídeo publicado por uma enfermeira do Hospital da Santa Casa de Misericórdia de Vitória, no Espírito Santos, causou forte polêmica nas redes sociais. Nas imagens registradas, a profissional de saúde aparece sem máscara no local de trabalho e ainda desdenha da eficácia da CoronaVac, imunizante que vem sendo aplicado na população nacional para combater à Covid-19.

Publicidade

O post polêmico foi realizado na noite desta sexta-feira (22). Portando uma touca cirúrgica, a jovem identificada como Nathana Ceschim aparece brincando com uma colega que surge na porta de uma sala na unidade hospitalar com touca, luvas e máscara. 

Horas antes dessa publicação, Nathana já havia divulgado um vídeo no qual ela aparecia desdenhando do imunizante contra o coronavírus. A profissional de saúde foi vacinada na última terça-feira (19), conforme uma foto publicada por ela na redes social mostra o comprovante. 

Publicidade

“Tomei por conta que eu quero viajar, não para me sentir mais segura. Porque uma vacina que dá 50% de segurança para mim não é uma vacina. Tomei foi água”, disse a enfermeira no vídeo se referindo ao imunizante desenvolvido pelo laboratório chinês Sinovac, liberado pela Anvisa no último final de semana para o uso emergencial em solo brasileiro. 

Publicidade

Hospital se pronuncia

Em nota divulgada, a Santa Casa informou que “irá tomar as medidas necessárias para garantir a segurança de seus pacientes e a manutenção das normas e condutas fundamentais para o bom atendimento assistencial”, destacando que a não utilização de máscara na unidade é proibida desde o início da pandemia. 

Publicidade

Ainda no comunicado, a Santa Casa disse que não compactua com a declaração dada pela profissional de saúde sobre a CoronaVac.

Após toda a polêmica, a enfermeira restringiu o seu perfil para privado, sendo que até a manhã deste sábado (23), a página era pública.

Publicidade