in

Criança de 10 anos engravida de gêmeos após ser abusada pelo padrasto e realiza aborto em MG

Após ser confrontado pela mãe da menina, que também está grávida dele, o padrasto fugiu e está sendo procurado pela polícia.

Getty Images/iStockphoto

A Polícia Civil está investigando um caso de abuso contra uma criança de 10 anos, em Governador Valadares, Minas Gerais. O principal suspeito do crime é o próprio padrasto, de 26 anos. A denúncia partiu da mãe da criança, após ter descoberto que a filha estava grávida de gêmeos com 14 semanas. Além da criança, sua mãe também está grávida, com 21 semanas do suspeito.

Publicidade

Segundo Adeliana Xavier, delegada responsável pelo caso, a mãe da menina começou a desconfiar de uma gestação depois que a menstruação da filha começou a atrasar, por isso, realizou um teste de gravidez. Segundo o depoimento concedido pela vítima à polícia, ela sofreu o último abuso a poucos dias, no dia 7 de janeiro.

Ainda segundo informações da delegada, após ter descoberto a gestação da filha, a mãe conversou com a menina, que acabou revelando que o autor do crime seria o padrasto. Depois disso, a mãe decidiu ir tirar satisfações com o companheiro, no entanto, acabou sendo agredida por ele.

Publicidade

Após a descoberta do crime, a menina foi submetida ao procedimento de aborto em Governador Valadares. De acordo com a Polícia Civil, a intervenção foi realizada seguindo todos os trâmites legais, e a menina teve a uma assistência médica adequada a sua disposição.

Publicidade

A vítima foi internada na quarta-feira, 20, quando foi dado início o procedimento de interrupção de gestação, que teve fim apenas na manhã desta quinta-feira, 21. Agora, a vítima segue internada, mas passa bem. O suspeito do crime fugiu logo após ter sido confrontado pela mãe da menina e segue sendo procurado pela polícia.

Publicidade
Publicidade
Publicidade