in

Conhecido como Doutor Anjo, jovem médico morre vítima da Covid-19 e irmã comove em desabafo: ‘Lutou até o fim’

Jovem apresentou piora após desenvolver quadro de pneumonia e acabou não resistindo às complicações da doença.

G1

A pandemia do coronavírus segue assolando a população mundial em larga escala. Responsáveis por atuar na linha de frente no combate ao vírus, os profissionais de saúde se dedicam e arriscam a vida em prol da saúde do próximo. Desde o início da pandemia, milhares deles já morreram exercendo a função e cumprindo com o juramento.

Publicidade

Bastante conhecido em São José do Rio Preto, interior de São Paulo, o médico Gilian Vitor Reis, de 28 anos, foi mais uma vítima fatal da Covid-19 entre médicos. O profissional de saúde permaneceu internado por quase um mês em uma unidade hospitalar da cidade até não resistir às complicações da doença, que afetou fortemente o seu pulmão. 

Desabafo

Em entrevista ao portal G1, a irmã de Gilian, Giovana Reis, disse que o quadro do médico piorou após o desenvolvimento de uma pneumonia, o que impactou na entubação do profissional. 

Publicidade

“Teve pneumonia e, de lá para cá, não teve melhora. Ele lutou até o final para não precisar ir para a UTI e ser entubado, pois, sabia de todos os procedimentos que passaria. Mas não teve jeito, os pulmões não respondiam ao tratamento”, conta.

Publicidade

Segundo a irmã, Gilian se formou em medicina no ano de 2018, e desde outubro no ano passado estava em Salvador, trabalhando em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes com Covid-19.

Publicidade

Segundo Giovana, que recebeu diversas mensagens de oração de pessoas que não conhecia, o médico era muito amado por todos e seu apelido era douto anjo.

Números elevados

Nas últimas semanas, o índice de óbitos em decorrência da Covid-19 cresceram exponencialmente, ultrapassando a média diária de 1 mil pessoas por dia. De acordo com o último levantamento divulgado, o país já contabiliza mais de 210 mil mortes pela Covid-19, e o número de infectados já se aproxima da casa dos 9 milhões. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade