in

Covid-19: o novo sintoma que todos precisam conhecer

Tim Spector, um epidemiologista inglês, falou sobre o mais recente sintoma da Covid-19.

Covid-19 - Notícias ao Minuto

Tim Spector, um epidemiologista inglês, falou sobre o mais recente sintoma da Covid-19. Apesar de ainda não fazer parte das listas dos sintomas mais comuns e conhecidos, existe agora um novo sinal na língua que pode indicar que a pessoa está ou já esteve infetada com a Covid-19. De acordo com Tim Spector, professor do King’s College London, a ‘língua Covid’ entra agora no debate como um sintoma da Covid.

Publicidade

Novo sintoma de Covid 19 

O professor inglês compartilhou uma imagem em seu Twitter de uma língua descolorada em algumas partes. Ele falou que a ‘língua Covid’ é um sintoma que está aparecendo cada vez mais, se juntando com um sintoma mais comum, a ausência de paladar. Esses são, portanto, os dois sintomas relacionados com a língua.  

Porém, no caso da ‘língua Covid’, não se trataria apenas de ausência de paladar, mas também uma diferenciação na coloração, textura, dor ou inchaço. “Uma em cada cinco pessoas com Covid apresenta sintomas menos comuns que não aparecem na lista oficial – como erupções cutâneas. Se verifica um número crescente de línguas Covid. Se tiver um sintoma estranho ou mesmo apenas dor de cabeça e fadiga, fique em casa!“, alertou o professor Tim Spector, em seu Twitter. 

Publicidade

Língua Covid

Publicidade

Segundo o jornal Mirror, a ‘língua Covid’ é mesmo um dos nove sintomas mais comuns da Covid-19. Então, por essa razão, as pessoas precisariam ficar um pouco mais alerta sobre esse sinal, que poderia se revelar decisivo na descoberta da infecção por Covid. 

Publicidade

Ainda assim, e apesar dos mais recentes alertas sobre esse novo sintoma Covid, importa lembrar que tem outros fatores que podem mostrar alterações na língua como má higiene oral, tabagismo ou uma dieta não tão saudável.

Publicidade
Publicidade
Publicidade