in

Pazuello dá ultimato sobre início da vacinação e diz qual estado terá prioridade: ‘Ninguém receberá primeiro’

Ministro discursou em tom diferente em relação ao seu último pronunciamento, onde não quis fixar uma data para o início da vacinação.

Agência Brasil

Diante de um cenário preocupante com o crescimento de novos casos de infecção e óbitos em decorrência da Covid-19, cresce a expectativa sobre quando a campanha de vacinação será iniciada em solo nacional.

Publicidade

Em discurso realizado em Manaus nesta quarta-feira (13), o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, garantiu que o processo de imunização no Brasil terá o pontapé inicial ainda neste mês. Segundo o líder da pasta, serão distribuídas 8 milhões de doses, três ou quatro dias após a Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) efetuar a liberação do uso da vacina. 

Prioridade

Sem detalhar muito, o general das Forças Armadas afirmou que a capital amazonense terá prioridade no plano de vacinação. Nas últimas semanas, Manaus vem apresentando um quadro alarmante com um aumento exponencial no índice de casos da Covid-19. 

Publicidade

“Senhores, vamos vacinar em janeiro, e Manaus será a primeira a ser vacinada. Ninguém receberá a vacina primeiro que Manaus”, afirmou Pazuello.

Publicidade


“A vacina será distribuída simultaneamente em todos os estados, na sua proporção de população, e Manaus terá essa prioridade”
, pontuou o chefe do Ministério da Saúde. 

Publicidade

No início da semana, o responsável pela pasta causou polêmica ao dizer que o processo de vacinação no Brasil iria ser iniciado “no dia D e na hora H”. A declaração rendeu uma forte repercussão e críticas nas redes sociais.

Quais imunizantes?

As primeiras doses das vacinas que serão distribuídas em solo nacional foram produzidas pelo laboratório chinês Sinovac, que desenvolveu a CoronaVac, e o imunizante da parceria entre AstraZeneca com o laboratório britânico de Oxford. Instituto Butantan e Fiocruz, respectivamente, são responsáveis pelo imunizante no país. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade