in

Indonésia confirma a queda de avião com 62 pessoas a bordo

O avião da companhia aérea Sriwijaya Air sumiu dos radares quatro minutos após a decolagem.

Viman Photography

O ano de 2020 chegou ao fim com várias notícias negativas: entre desastres naturais e a pandemia do novo coronavírus, o ano de 2021 chegou com a esperança de que as coisas se acalmassem e, embora tenham chegado notícias positivas, esta é uma tragédia muito triste para todos.

Publicidade

A Indonésia acaba de confirmar a queda de um avião neste sábado (9). De acordo com informações do G1, o Boeing 737-500 da companhia aérea Sriwijaya Air tinha decolado com 62 pessoas a bordo e sumiu dos radares quatro minutos após a decolagem de Jacarta, capital da Indonésia. 

Segundo dados de um portal online especializado em radar de aviões, a aeronave estava fazendo o voo normalmente até perder mais de 10 mil pés de altitude em menos de um minuto. O destino da viagem era a cidade de Pontianak, na Ilha de Bornéu. O horário estimado da queda foi às 4h40 da manhã, horário de Brasília.

Publicidade

A viagem duraria cerca de 1h30, mas o Boeing caiu com apenas alguns minutos de voo. Segundo informações da companhia aérea, 56 passageiros e seis tripulantes estavam no avião. Ainda não se sabe o que pode ter causado a queda do avião. 

Publicidade

O avião saiu do chão pela primeira vez em maio de 1994, portanto, tem 26 anos de uso. Atualmente, nenhuma empresa brasileira opera com esta aeronave. Elas pararam de ser usadas nos anos 2000 por aqui. Empresas como a Rio Sul e Nordeste, já extintas, foram as últimas a fazer o uso deste modelo. Porém, esta aeronave é considerada segura, com um histórico excelente. 

Publicidade

O caso lembrou o acidente da Lion Air, em 2018, que também ocorreu na Indonésia. O modelo deste era o 737 Max.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Matheus Feitosa

Escrevo sobre TV, famosos e entretenimento desde 2011.

A atenção nos detalhes é o que nos faz prosperar.