in

Prefeito lamenta morte de mãe e três filhos vítimas da Covid-19, patriarca da família continua internado

A última morte na família aconteceu na manhã desta sexta-feira (25), no dia de Natal.

G1

A Covid-19 é uma triste realidade que tem impactado a vida da humanidade. Infelizmente, muitas pessoas tem ignorado a enfermidade e deixado de lado os cuidados necessários para evitar a proliferação desenfreada da doença. Milhares de pessoas morreram por causa da pandemia do novo coronavírus.

Publicidade

Especialistas acreditam que a situação possa ficar ainda mais crítica no mês de janeiro de 2021, devido às festividades de final de ano. Com o passar do tempo e tantas perdas, as histórias vão se desenhando e as vítimas da Covid-19 vão ganhando nome e rosto. Muitas famílias chegaram a perder vários entes queridos em um curto espaço de tempo.

Quatro membros de uma mesma família morreram neste mês de dezembro, todos vítimas da Covid-19. Eles eram moradores da cidade de Sapucaia, que fica localizada na região Sul do Rio de Janeiro. Morreram três filhos, a mãe e o pai está hospitalizado por causa do coronavírus em um hospital público no município de Leopoldina, em Minas Gerais.

Publicidade

O primeiro óbito foi de Luiz Cláudio Soares, de 48 anos, que faleceu no dia 3 de dezembro. Solteiro, ele não teve nenhum filho. Após 10 dias, Aparecida Soares, de 81 anos, também faleceu em virtude da mesma enfermidade. Nesta última quinta-feira, véspera de Natal, José Roberto Soares, de 56 anos também não resistiu. No dia 25 de dezembro, Antônio Carlos Soares, de 52 anos, se tornou mais uma vítima da família a morrer por causa do coronavírus.

Publicidade

O prefeito da cidade de Sapucaia, Fabrício Baião, lamentou as mortes através de um perfil na rede social. “Lamentamos profundamente o falecimento dos membros da família Soares. Família tradicional e de raízes fundadas em nosso município, foi profundamente atingida por essa terrível Covid-19, que nos levou nos últimos dias, primeiro o Luiz Claudio, depois Dona Aparecida e, em seguida, o Beto e o Calito”.

Publicidade

O prefeito aproveitou para fazer um pedido a população e solicitou que as pessoas possam orar pela vida do patriarca da família, José Soares, de 80 anos que também contraiu a doença e continua hospitalizado para poder se recuperar da enfermidade.

Publicidade
Publicidade
Publicidade