in

Casal infectado por Covid-19 morre de mãos dadas após mais de 60 anos de união; história comove

Casal morreu em um curto intervalo de tempo após serem infectados pelo coronavírus.

UOL / Arquivo Pessoal

A pandemia do coronavírus segue assolando a população mundial em larga escala, com ritmo de novas infecções e mortes computados em crescente. Nos últimos meses, histórias comoventes sobre famílias devastadas estão sendo registradas.

Publicidade

Em Raleigh, na Carolina do Norte, nos Estados Unidos, um casal de idosos infectados morreu de mãos dadas em um hospital. De acordo com a FOX News, Doris Pope, de 78 anos, e Sherwood Pope, de 82 anos, foram hospitalizados há cerca de uma semana após apresentarem sintomas graves da Covid-19. Eles eram casados há 61 anos. 

Durante o período de internação, o casal necessitou de ventilação mecânica para respirar e, inicialmente, ficaram em leitos separados. Dias depois, no entanto, o esposo pediu para ficar junto da mulher e teve o desejo atendido. 

Publicidade

O filho do casal, Brian, disse como foi o fim da vida dos pais. “Eles [funcionários do hospital], então, montaram as duas camas. Os dois se deitaram e deram as mãos”, disse ele em entrevista à FOX News.

Publicidade

Segundo o filho, os dois ficaram deitados um do lado do outro entre três a quatro horas. Sherwood morreu primeiro e, instantes depois, a mulher também não resistiu e veio à óbito. 

Publicidade

Alerta

Durante a entrevista, o filho do casal disse não saber como os pais foram contaminados, e contou que os pais, sempre que saíam, faziam o uso da máscara de proteção e até mesmo utilizavam luvas. Por fim, Brian fez questão de alertar a todos sobre os cuidados durante o período de pandemia, para evitar uma maior disseminação. “A pandemia é real, não é uma piada”, concluiu o filho do casal.

Publicidade
Publicidade
Publicidade