in

João Doria faz convite aos ex-presidentes da República para serem vacinados contra a Covid-19 em SP

O convite tem como objetivo marcar o ato inicial da vacinação contra a Covid e também de incentivar a população.

G1

João Doria, atual governador do estado de São Paulo, fez um convite aos ex-presidentes da República vivos a tomarem a vacina contra o coronavírus no estado. O governante anunciou que a campanha de vacinação contra a Covid-19 tem previsão de iniciar no dia 25 de janeiro de 2021.  

Publicidade

Receberam o convite os ex-presidentes Lula, Dilma Rousseff, Michel Temer, Fernando Henrique Cardoso, José Sarney e Fernando Collor. De acordo com a informação do portal de notícias G1, assessoria de imprensa do governo de São Paulo confirmou que o convite realmente foi realizado e disse que o intuito com a presença é marcar como um ato de incentivo a vacinação.

Michel Temer aceitou o convite e afirmou que vai participar do ato do começo da vacinação em São Paulo. Os assessores de Dilma Roussef confirmou o recebimento do convite. Como reside em outro estado, ela não tem intenção de ir até São Paulo para se vacinar, mas caso João Doria queira mandar a vacina, ela tomará a medicação.

Publicidade

Já o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem viagem agendada para Cuba, mas que provavelmente deve se vacinar assim que for possível. Fernando Collor usou a rede social para poder se manifestar e afirmou que não vai participar do evento. Já os assessores de Fernando Henrique e José Sarney ainda não havia dado retorno a reportagem, então não se sabe o posicionamento deles em relação ao convite do governo estadual de São Paulo.

Publicidade

A imunização contra a Covid-19 é um dos momentos mais esperados pela humanidade nos últimos meses. A pandemia do novo coronavírus mudou completamente a sociedade e tem provocado milhares de mortes no mundo todo. A campanha de vacinação em São Paulo tem previsão de iniciar no final de janeiro e os primeiro grupos a ser imunizados engloba os profissionais da área da saúde, quilombolas, indígenas e pessoas que tenham idade superior a 60 anos.

Publicidade

A vacina que vai ser utilizada no estado de São Paulo é a produzida pelo laboratório da China, a Sinovac, que firmou uma parceria com o Instituto Butantan.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Shyrlene Souza

Redatora na web desde 2016, formada em ciências contábeis, apaixonada pela redação desde criança. Escrevo sobre assuntos diversos, famosos, maternidade e notícias que se destacam no Brasil e no mundo.