in

Casal de pastores morre de Covid-19 em intervalo de 48h e deixa filhos com deficiências: ‘pior de tudo é a solidão’

A filha do casal de pastores falou que a situação dos pais evoluiu muito rapidamente apesar de todos os cuidados.

G1

Os pastores evangélicos Manuel Reginaldo, de 66 anos, e sua esposa, Ednalva Gonçalves, de 63 anos, morreram por causa da Covid-19 em um intervalo de dois dias. Eles eram moradores da cidade de Guarujá, região litorânea de São Paulo, e eram casados há 43 anos. O casal tinha dois filhos com deficiência e atuavam em uma igreja conhecida na cidade.

Publicidade

A filha mais velha do casal de pastores contou que tudo aconteceu rapidamente, mesmo tomando todos os cuidados. “A preocupação da minha mãe, antes de entubar, era com os filhos, medo de nos deixar sozinhos. O pior de tudo é a solidão, não poder dar um abraço”, disse Vanessa Gonçalves, de 42 anos, que é operadora de caixa.

Vanessa falou que os pais começaram a apresentar os primeiros sintomas no final do mês de novembro, mas acreditavam que tratava-se apenas de uma gripe. Porém, os sintomas persistiram e eles resolveram procurar uma unidade de saúde e foi quando descobriram que haviam contraído Covid-19. Eles passaram a fazer o tratamento de imediato e se isolaram. Contudo, o casal de religiosos piorou e tiveram que ir para a UTI – Unidade de Terapia Intensiva.

Publicidade

O casal de pastores sofria de diabetes e pressão alta e segundo a filha mais velha, a mãe tinha asma. Apesar do tratamento ter sido imediato, a doença evoluiu muito rápido. Os dois tiveram que ser intubados após grave comprometimento pulmonar. O pastor morreu no dia 2 de dezembro e, dois dias depois, a esposa também não resistiu e faleceu.

Publicidade

A operadora de caixa fez questão de agradecer o apoio e carinho recebido pelos fiéis da Igreja Assembleia de Deus. O casal tinha dois filhos especiais, um com síndrome de Down e outra com microcefalia.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Shyrlene Souza

Redatora na web desde 2016, formada em ciências contábeis, apaixonada pela redação desde criança. Escrevo sobre assuntos diversos, famosos, maternidade e notícias que se destacam no Brasil e no mundo.