in

Vacinação contra a Covid-19 já tem data para começar; conheça quando e quais grupos terão prioridade

Plano de vacinação em São Paulo foi revelado de forma exclusiva pela Folha de S. Paulo, nesta segunda (07).

Pais e Filhos

Nesta segunda-feira (7), o governador de São Paulo, João Doria, anunciará o plano de vacinação contra a Covid-19 no estado. De acordo com informações exclusivas da Folha de S. Paulo, que obteve o documento em exclusividade, a imunização tem início previsto para o dia 25 de janeiro.

Publicidade

Inicialmente serão vacinados os profissionais de saúde, pessoas com mais de 60 anos e grupos vulneráveis, como indígenas e quilombolas.

O plano conta com vários focos, mas obviamente depende de que Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) dê o sinal positivo de liberação para a aplicação da Coronavac, vacina chinesa que será produzida no Instituto Butantan.

Publicidade

Ao que tudo indica, os estudos dos testes de eficácia da Coronavac será divulgado, no máximo, até a próxima semana, e na sequência já devem ser encaminhados à Anvisa, solicitando a liberação do imunizante. 

Publicidade

Duas doses

O imunizante desenvolvido pelo laboratório chinês Sinovac, necessitará de duas aplicações, e por isso a vacinação será escalonada. O primeiro grupo prioritário receberá a primeira dose no dia 25 de janeiro e a segunda, no dia 15 de fevereiro. 

Publicidade

Idosos acima de 75 anos ou mais, no 8 de fevereiro e 1º de março. De 70 a 74 anos, 15 de fevereiro e 8º de março. De 65 a 69 anos, 22 de fevereiro e 15 de março. Por fim, de 60 a 64 anos, 1º de março e 22 de março. Outras fases da vacinação ainda serão anunciadas. 

Principal epicentro

O estado de São Paulo figura como o estado mais afetado em solo nacional pela pandemia da Covid-19. Dos quase 177 mil óbitos já computados em solo nacional, São Paulo acumula mais de 43 mil mortes, e 1,2 milhão de casos de infecção desde o início da pandemia. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade