in

Sobrevivente de trágico acidente de ônibus faz vídeo comovente para a mãe: ‘Deus cuidou de mim’

Acidente gravíssimo ocorreu na tarde desta sexta-feira (04), na BR-381, no interior mineiro.

G1 - Montagem

Um trágico acidente foi registrado no Km 350 da BR-381, em João Monlevade, cidade mineira na tarde desta sexta-feira (04). Em um trecho chamado de “Ponte Torta”, um ônibus com placas de Alagoas perdeu o freio e caiu de um viaduto de 15 metros de altura, ocasionando a morte de 16 pessoas e deixando mais de 20 feridos.

Publicidade

Passageira do ônibus, a jovem Vitória Cardozo Caldas Silva, de 19 anos, conseguiu falar com a mãe instantes depois da tragédia e comoveu em desabafo para tranquilizar familiares. Através de uma chamada de vídeo, e posteriormente um áudio, ela informou que tinha sobrevivido. 

“Mãe, eu estou bem, tá? Aconteceu um acidente e eu tive um corte na perna e a minha cabeça bateu e está doendo, mas já me deram remédio, cuidaram bem de mim e eu estou bem, tá? Fica bem mãe, não fica preocupada comigo que está tudo bem. Deus cuidou de mim, você orou por mim e está tudo certo”, disse a jovem ferida.

Publicidade

Vitória pegou o ônibus em Mata Grande, no interior de Alagoas, e iria para São Paulo, onde encontraria o pai. 

Publicidade

Até o último boletim divulgado às 19h45, o Corpo de Bombeiros havia registrado a morte de 16 pessoas e ao menos 27 feridos. Em entrevista ao G1, a mãe de Vitória, Mazy Cardoso, conta que só ficou tranquila quando conseguiu ver a filha por chamada de vídeo. Vitória acabou usando o celular de uma enfermeira para fazer a ligação.

Publicidade

Segundo Mazy, a jovem está com o rosto inchado e sentia muitas dores de cabeça, mas já havia sido medida e estava com um colete no pescoço.

Irregular

De acordo com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), o ônibus envolvido no acidente não tinha liberação para transportar passageiros e, em 2019, já havia sido autuado em três oportunidades por este tipo de irregularidade. Antes do veículo despencar do viaduto, algumas pessoas conseguiram pular, entre eles, o motorista, que ainda não se apresentou à polícia.

Publicidade
Publicidade
Publicidade