in

Homem dá voadora em mulher após discussão de trânsito; vídeo é impactante e atitude gera revolta

Caso se deu no último fim de semana após uma discussão de trânsito em um bairro residencial de Franca (SP).

G1 - Redes Sociais

Uma discussão de trânsito acabou gerando uma grande confusão no bairro Jardim Tropical I, em Franca, no interior de São Paulo. Depois de um conflito de discussão, um homem agrediu uma mulher com um chute no peito. As imagens do momento da agressão foram registradas por câmeras de segurança e viralizaram nas redes sociais. 

Publicidade

De acordo com informações da Polícia Civil, o caso ocorreu no último domingo (29), na Avenina Lisete Coelho Lourenço, na parte da manhã. O início da confusão foi motivado após o homem estacionar o seu veículo em cima da calçada. A vítima da agressão, que estava no lado oposto, se revoltou com a ação dele, ficou nervosa e a discussão foi iniciada. 

No vídeo que circula nas redes sociais, é possível ver que o homem retira o carro da calçada após o princípio de discussão e ao fazer a manobra na avenida vê a mulher dando um tapa no capô do veículo. O motorista desceu do carro, e voltou a discutir com a vizinha.

Publicidade

Após a briga, a mulher atravessa a avenida e volta para calçada. Neste ínterim, o motorista retorna para o interior do veículo, Ele dirige até a esquina, e posteriormente volta no local onde a discussão começou e estaciona o veículo mais uma vez em cima da calçada.

Publicidade

Na sequência, as imagens mostram o homem descendo do carro, correndo em direção à vítima e dá uma voadora no peito dela, que cai no chão. Ainda no vídeo é possível ver que uma outra pessoa aparece, reage à agressão do motorista e tenta fazer o socorro à vítima. 

Publicidade

A atitude do motorista gerou revolta nas redes sociais.

“Sou a favor de câmeras HD em todos os locais possíveis para, justamente, ter imagens assim, onde, com um zoom, apareça em definição o culpado. Covarde!”, disse um internauta. 

Investigação

O caso está sob a responsabilidade da Delegacia de Defesa da Mulher de França e será investigado. Além do depoimento das testemunhas e os envolvidos na confusão, as autoridades utilizarão os vídeos gravados na apuração da ocorrência. 

Caso será investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher.

Publicidade