in

Dono de bar confunde veneno com bebida, e duas pessoas morrem no Ceará

Caso aconteceu no último fim de semana, em cidade do interior do Ceará.

Veja

Dois agricultores morreram após tomarem veneno, acreditando que se tratava de bebida alcoólica. O caso aconteceu no último domingo (29), em um bar do município de Granja, no Ceará, situado a 262 km de distância da capital Fortaleza. De acordo com informações da Polícia Militar, a bebida foi vendida por engano pelo sogro de uma das vítimas, que é proprietário do estabelecimento. 

Publicidade

No depoimento prestado à Polícia Civil, o comerciante disse que mantinha veneno armazenado em garrafas de bebida para matar insetos, e acabou se confundindo com os recipientes e colocou doses do líquido para o genro e a outra vítima beber. 

Segundo informações da Polícia Militar, depois de algumas horas do consumo da bebida, Erismar Rodrigues De Souza, de 35 anos, e Cleison Santos Oliveira, de 28, foram encontrados sem vida. Os dois estavam caídos em uma residência que fica na localidade de Cajueiro do Castro, na zona rural de Granja.

Publicidade

Ainda de acordo com policiais militares que participam das investigações do caso, Erismar de Souza morreu abraçado com o filho, após passar mal pelo fato de ter ingerido o veneno.

Publicidade

Investigações

A polícia já instaurou um inquérito para apurar a responsabilidade no caso. Depois dos corpos das vítimas serem encontrados, o proprietário do bar, sogro de Erismar, foi levado até a Delegacia de Polícia Civil de Camocim. 

Publicidade

No local, o comerciante foi autuado por homicídio culposo, quando não há a intensão de matar. De acordo com informações repassadas pela Secretaria de Segurança Pública, o aposentado de 75 anos pagou a fiança e responderá pelo crime em liberdade. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade