in

Idosa sofre infarto após ser acusada de furto em supermercado e caso gera revolta: ‘injustiça e desrespeito’

Aposentada está internada em estado grave após ter sido acusada de furto em supermercado.

Metrópoles

Uma acusação de um suposto furto de um chinelo culminou em um infarto da idosa Milta de Jesus Oliveira, no último sábado (27). O caso aconteceu no Atacadão Super Adega, no Jardim Botânico, no Distrito Federal, e está sendo investigado pela 30ª Delegacia de Polícia. O quadro de saúde da aposentada é grave. 

Publicidade

Milta estava acompanhada de familiares. No momento em que eles foram passar as compras no caixa, a senhora foi surpreendida pelo comportamento de funcionários. Segundo a neta da aposentada, Grazielle Guedes Oliveira, após a compra ser toda registrada, a funcionária disse em tom de voz alterado para Milta. “A senhora vai pagar essas sandália que furtou também?’”, teria questionada a caixa. 

Nervosa, Milta tentou explicar que o chinelo era um presente, e se defendeu dizendo que era uma mulher honesta que nunca tirou nada de ninguém. De acordo com familiares da aposentada, a funcionária do caixa acionou um dos seguranças. A equipe exigiu que a mulher provasse que as sandálias, da marca Havaianas, não era produto de furto. 

Publicidade


“Após ser acusada de furto e todo o escândalo armado pela funcionária do caixa e a grosseria dos seguranças desse atacadão, ela começou a se sentir mal. A pressão subiu. Jamais pensou que nesta idade seria vítima de tamanha injustiça e desrespeito”
, desabafou a neta de Milta. 

Publicidade

Internada

Diante do episódio vivido, Milta foi internada em estava grave na UPA de São Sebastião e posteriormente foi caminhada para o Hospital Universitário da Brasília. O boletim médico apontou para um infarto agudo do miocárdio. 

Publicidade

A família da aposentada denunciou o Atacadão Super Adega à Polícia Civil. O mercado atacadista pediu desculpas pelo ocorrido e se prontificou a pagar todo tratamento médico e psicológico da vítima, que completa idade nova nesta segunda-feira (30).

Publicidade
Publicidade
Publicidade