in

Catador de lixo salva vida de bebê prematuro abandonado em lixo e é exaltado: ‘Temos muito que agradecer’

Criança estava dentro de uma caixa de papelão e foi abandonada em uma lixeira.

UOL

Uma bebê prematura com aproximadamente 28 semanas de gestação foi encontrada, na tarde da última sexta-feira (27), em uma lixeira de um prédio na cidade de Balneário Camboriú, em Santa Catarina. De acordo com informações do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), o caso se deu na região central do município por volta das 15h. O responsável por encontrar a bebê e acionar os socorristas foi um catador de recicláveis. 

Publicidade

A bebê foi rapidamente levada para a UTI neonatal de Hospital Municipal Ruth Cardoso, e tem estado de saúde estável. Segundo os socorristas, o catador de recicláveis, que não teve o nome revelado, encontrou a criança quando procurava materiais em uma lixeira do prédio, quando foi surpreendido ao encontrar a bebê prematura.

A criança estava dentro de uma caixa de sapato, de barrida pra baixo, e apresentando respiração ofegante. Caso ela permanecesse por mais tempo na mesma posição tinha grandes riscos de morrer. A bebê não apresentava marcas de violência, mas ainda tinha sangue no corpo, oriundo possivelmente do parto. 

Publicidade

Um boletim de ocorrência foi registrado, e a Polícia Civil do município foi acionada. Os investigadores utilizarão as imagens das câmeras de segurança para tentar identificar quem deixou a bebê na lixeira. 

Publicidade

Catador é exaltado

Após o ocorrido, o socorrista Fábio Ristoff, que ajudou no resgate do bebê, destacou a ação do catador de recicláveis, na visão dele, merecedor de muitos elogios.

Publicidade

“Temos muito que agradecer esse senhor que salvou a vida da menina, esse senhor, que é catador de reciclado, porque se ele não abre a lixeira ali, quando que a gente ia saber que a criança iria estar ali. Ia encontrar a criança sem vida”, pontuou o socorrista. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade