in

Ministério da Saúde dá notícia preocupante sobre vacina contra a Covid-19: ‘Não será para toda a população’

Vacinação contra a Covid-19 é amplamente esperada pela população brasileira.

Pais e Filhos

Em meio a um cenário caótico na saúde que luta contra a pandemia do coronavírus, a chegada de uma vacina é amplamente aguardada por milhares de pessoas. Apesar da ampla expectativa, o Ministério da Saúde voltou a afirmar nesta sexta-feira (27), que assim que o imunizante for aprovado, não será oferecido para a toda população em 2021.

Publicidade

A pasta informou que dará prioridade para grupos de maior risco de exposição, bem como para pessoas que possuem complicações de saúde. O Ministério da Saúde já está trabalhando na formulação de um plano nacional para vacinação da população. Ao que tudo indica, até a próxima terça (1), será compartilhado entre especialistas e secretários de saúde. 

O discurso reforçado nesta sexta-feira (27) vai de encontro com que a pasta já havia sinalizado anteriormente, propondo a segmentação da imunização por grupos prioritários, como profissionais de saúde, idosos e pessoas com doenças crônica.  

Publicidade

“Definimos objetivos para a vacinação, porque não temos uma vacina para vacinar toda a população brasileira. Além disso, os estudos não preveem trabalhar com todas as faixas etárias inicialmente, então não teremos mesmo como vacinar toda a população brasileira”, afirmou Francieli Fantinato, responsável por coordenar o Programa Nacional de Imunizações. 

Publicidade

Estimativa

Diante dos acordos selados até o momento, o Brasil pode esperar uma imunização de ao menos um terço de sua população até o final do primeiro semestre de 2021, e mais da metade da população até dezembro. O quantitativo de pessoas vacinadas pode aumentar, caso novos acertos sejam fechados. 

Publicidade

O Brasil tem sido palco de testes de vários modelos de imunizantes, que estão em reta decisiva de pesquisas. Após obter os resultados dos testes, as empresas desenvolvedoras encaminham toda a documentação para a Anvisa, que dará a liberação ou veto à vacina.

Publicidade
Publicidade
Publicidade