in

Tatuagem e atraso: morte de jovem em acidente de ônibus tem detalhes que arrasam a família

Elisangela foi uma das vítimas do acidente entre ônibus e caminhão em Taguaí, interior de São Paulo.

Arquivo pessoal Elisângela / G1

Elisangela Aparecida Mingote, de 24 anos, havia tatuado um terço no braço recentemente. Na quarta-feira (25), ela saiu de casa atrasada para ir trabalhar. Para chegar ao ponto por onde o ônibus da empresa Star passaria e a levaria para o trabalho, em Taguaí, a jovem teve que pegar uma carona. Com a correria, deu tempo de pegar o ônibus.

Publicidade

“A gente até brinca dizendo que não era para ela ter ido trabalhar. Ela saiu atrasada da casa dos meus sogros, pegou carona para chegar até o ponto de ônibus e só conseguiu ir porque o ônibus também estava atrasado e passou pelo local um pouco mais tarde que o horário normal”, contou Felipe Martins, cunhado de Elisangela, ao UOL.

No trajeto, ela tinha o costume de colocar um tapa-olho e dormir. Muitas das pessoas que estavam indo para a empresa têxtil faziam o mesmo por terem acordado muito cedo. Talvez o ônibus estivesse em silêncio, que foi bruscamente interrompido com o acidente.

Publicidade

Por volta das 7h, o ônibus bateu de frente com um caminhão próximo de uma curva da Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho (SP-249). Quarenta e uma pessoas morreram no acidente, incluindo Elisangela, que foi encontrada com o tapa-olho no rosto. 

Publicidade

A família da jovem ficou sabendo do acidente às 7h50. A confirmação da morte dela só ocorreu no fim da tarde, quando o corpo foi reconhecido. De acordo com Manoel Mingote, tio de Elisangela, o corpo foi reconhecido devido à tatuagem. O esmalte nas unhas também ajudou. Familiares das vítimas tiveram dificuldades de reconhecer o corpo no IML devido ao estado dos corpos.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!