in

Esposa de morto em acidente em rodovia de SP critica motorista: ‘sempre foi apressado’

Marido já havia reclamado da falta de segurança do ônibus, que mal tinha cintos de segurança.

Arquivo pessoal Raquel / G1

O grave acidente envolvendo um ônibus e um caminhão na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho, entre as cidades de Taguaí e Taquaritiba, interior de São Paulo, ocorrido na manhã de quarta-feira (25), segue repercutindo em todo o Brasil. Quarenta e uma pessoas morreram no acidente.

Publicidade

Uma das vítimas foi Ramom Pereira da Silva, de apenas 25 anos. Ele não resistiu aos ferimentos sofridos na batida, deixando a esposa, Raquel Ferreira Monteiro, de 18, e uma filha de seis meses. Em entrevista, Raquel falou que o marido já havia reclamado do transporte.

O ônibus irregular, da empresa Star, levava funcionários para uma empresa têxtil. Os trabalhadores moravam em Itaí e trabalhavam em Taguaí. “O motorista sempre foi apressado mesmo. Não tinha medo de pisar no acelerador e agora está aí a tragédia de mais de 43 pessoas mortas (oficialmente 41)”, lamentou Raquel.

Publicidade

A mulher afirmou ainda que o marido reclamava que faltava cinto de segurança e que não havia empenho da empresa para que as pessoas se sentissem seguras. Raquel e Ramon estavam juntos havia três anos. Os dois se casaram havia um ano e meio e criavam a filha, Alice, de sete meses. Raquel não poupou elogios a Ramon, a quem chamou de bom marido e bom pai.

Publicidade

O acidente segue sendo investigado pela polícia. Durante a madrugada, os corpos foram liberados e 39 deles foram velados na cidade de Itaí. A cidade está de luto com a morte de tantas pessoas. Covas foram abertas no cemitério municipal para receber os caixões com os corpos em enterros marcados para hoje.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!