in

Pai e marido de mulher, que morreu em acidente em rodovia de SP, desabafam; há 41 mortos

Mulher só tinha 28 anos e está entre as vítimas fatais de acidente em rodovia do interior do estado.

GloboNews / G1

O acidente entre um ônibus e um caminhão no quilômetro 172 da Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho, em Taguaí, região de Avaré, na manhã desta quarta-feira (25), causou ao menos 41 mortes. Foi o maior acidente em rodovias do estado nas últimas duas décadas.

Publicidade

O ônibus transportava funcionários de uma fábrica têxtil. De acordo com informações da CNN Brasil, o motorista do ônibus não morreu, mas a maioria das vítimas estava no veículo. O motorista do caminhão teria morrido no local. O pai e o marido de uma das vítimas deu entrevista.

Camila Vergueiro tinha 28 anos, trabalhava na empresa têxtil havia cinco anos e, segundo seu pai, Márcio Pereira, já havia reclamado do transporte. O ônibus já havia quebrado algumas vezes. À TV TEM, afiliada da Globo no interior de São Paulo, Márcio, muito abalado com a morte precoce da filha, afirmou que a vida tem que seguir de alguma forma.

Publicidade


“É uma tristeza enorme. A Camila viajava todo dia por cinco anos e nunca tinha acontecido nada de grave. Só Deus para nos dar forças nesse momento”, afirmou Anderson Rodrigues, marido de Camila. Havia 50 pessoas no ônibus no momento do acidente. A causa da tragédia está sendo investigada.

Publicidade

O número de óbitos no acidente cresceu devido aos pacientes que estavam em estado grave e não resistiram. A primeira informação pela manhã é de que havia cerca de nove mortos, depois o número subiu para 22 e agora está em 41. Os feridos em estado grave estão em hospitais da região, recebendo atendimento. O caso está repercutindo em todo o Brasil.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!