in

Em meio a dor pela morte cruel do marido no Carrefour, esposa faz agradecimento inesperado

Milena deu entrevista às jornalistas Flávia Oliveira e Christina Pelajo, do canal pago GloboNews

Arquivo pessoal João Alberto / Reprodução Band

Milena Borges Alves, esposa de João Alberto Silveira Freitas, o homem negro morto em uma loja da rede de supermercados Carrefour, deu entrevista ao canal GloboNews e falou sobre o crime que está repercutindo em todo o Brasil neste Dia da Consciência Negra.

Publicidade

João Alberto foi agredido por dois seguranças do Carrefour e não resistiu. Ele teria morrido por asfixia, de acordo com laudo preliminar do instituto Médico Legal de Porto Alegre, onde o crime ocorreu. Outros exames ainda terão os resultados divulgados nos próximos dias.

À GloboNews, Milena contou que ainda não foi procurada pelo Carrefour e que não recebeu nenhum apoio da rede de supermercados. Na conversa com as jornalistas Flávia Oliveira e Christina Pelajo, ela afirmou que recebeu todo o apoio da Brigada Militar, a Polícia Militar do Rio Grande do Sul.

Publicidade

“Olha, na verdade, a polícia me prestou todo o atendimento”, disse a mulher. Um dos seguranças que mataram seu marido era policial temporário e estava trabalhando como segurança da empresa terceirizada que prestava serviço à loja da zona norte de Porto Alegre.

Publicidade

Morte de João Alberto repercute nas redes sociais

Milhares de internautas estão usando as redes sociais para comentar sobre a morte de João Alberto. O homem de 40 anos foi agredido pelos dois seguranças na frente de muita gente. A ação foi filmada e viralizou nas redes sociais. Muitos internautas, porém, pedem que os vídeos que mostram ele apanhando e recebendo atendimento do Samu não sejam compartilhadas por serem muito fortes.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!