in

Morte do menino Benjamim causa grande comoção na web; criança estava desaparecida: ‘Imagine a dor da mãe’

Garoto estava desaparecido desde a última terça-feira (03), no litoral paulista

G1

Depois de quase três dias de buscas, o menino Benjamim Nunes de Souza, de apenas quatro anos, foi encontrado sem vida na manhã desta sexta-feira (06), há cerca de 50 metros da praia onde havia desaparecido na última terça (03). O corpo da criança foi encontrado por pescadores, que acionaram uma equipe do Corpo de Bombeiros para o resgate.

Publicidade

Os socorristas estavam prontos para iniciar mais uma dia de buscas pelo garoto. Benjamim foi perdido de vista pela sua mãe por questões de segundos na última terça-feira (3).

Como não haviam informações precisas do local do desaparecimento, duas equipes foram destinadas a procurar pelo garoto nas imediações na praia Santa Cruz dos navegantes, no Guarujá, litoral paulista, uma fazendo varreduras no mar, e outras em procuras terrestres em uma trilha na mata, próximo à praia. Depois de mais de 48 horas, os socorristas não haviam encontrado nenhum vestígio do paradeiro do garoto.

Publicidade

Repercussão

O caso de desaparecimento comoveu e mobilizou muita gente, que tentou ajudar nas buscas, e na divulgação da imagem do menino nas redes sociais. Nesta manhã (06), quando o corpo do pequeno Benjamim foi encontrado, muitos internautas lamentaram o triste fim da história, e prestaram solidariedade à família da criança.

Publicidade

“Meu primo trabalhou no resgate do menino Benjamim, disse que a mãe tava tão desesperada que nem pensou na hipótese de seu filho ter se afogado. Imaginem a dor que ela está sentindo nesse momento? Cara chorando muito, triste demais com essa notícia, uma mãe perder o filho desse modo é doido demais”, disse uma internauta no Twitter. 

Publicidade

“Muito triste esta notícia! O corpo de menino Benjamim de 4 aninhos, que estava desaparecido desde terça-feira, foi encontrado hoje por um pescador, em uma praia do Guarujá, litoral norte de São Paulo. Não podemos desviar os olhos um segundo de nossos pequeninos!”, afirmou outra.

Publicidade