in

Mulher grávida passa por parto emergencial após ser atropelada em SP

Homem também foi atropelado, não resistiu aos ferimentos e morreu no local do acidente.

Reprodução TV Globo

Na madrugada desta segunda-feira (12), um homem e uma mulher foram atropelados na Estrada do Itapecerica, no Jardim São Luís, zona sul da cidade de São Paulo. A mulher atropelada estava grávida. O atropelamento aconteceu praticamente em frente ao Hospital Geral do Campo Limpo.

Publicidade

O caso foi noticiado pelo perfil oficial do Corpo de Bombeiros no Twitter. “03h14 Atropelamento por carro, Estrada de Itapecerica, 1397 Jd. São Luis (em frente ao hospital Cpo Limpo). Confirmado, 2 vítimas, das quais, 1ª vítima, masc, infelizmente, constado óbito por médicos/enfermeiros do Hosp. Cpo Limpo, antes da chegada da Vtr do CB no local”, informou a corporação por meio do microblog.

A mulher de 34 anos teve um corte na perna e foi socorrida pela unidade de terapia intensiva (UTI) móvel. Ela foi levada ao pronto-socorro do Hospital Campo Limpo e precisou passar por um parto de emergência. Não foi informado o sexo do bebê que veio ao mundo.

Publicidade

Homem morreu no mesmo acidente

Um homem que também foi atropelado pelo mesmo veículo morreu. Equipe do Hospital Campo Limpo constatou o óbito antes mesmo de o carro do Corpo de Bombeiros chegar para o resgate. A imagem do carro amassado mostra que a pancada parece ter sido forte.

Publicidade

De acordo com o Corpo de Bombeiros, equipes da Polícia Militar que também foram acionadas encaminharam o motorista do carro ao 37º Distrito Policial (DP). Não há informações sobre a velocidade do carro na hora da batida ou se o motorista furou algum semáforo vermelho e ocasionou o acidente.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!