in

Auxílio Emergencial: governo anuncia de forma oficial calendário das novas parcelas; benefício foi limitado

Cronograma do benefício traz cotas reduzidas e mais algumas restrições na sequência dos pagamentos.

Caixa Econômica Federal

Depois de uma grande espera por parte dos beneficiários e um cenário de indefinição, o governo federal divulgou na noite desta segunda-feira (28), o calendário das novas parcelas do Auxílio Emergencial fora do Bolsa Família. O cronograma foi publicado em edição extra do Diário Oficial da União (DOU). 

Publicidade

O anúncio da prorrogação do benefício havia sido feito no dia 1º de setembro, no entanto, até então somente o calendário dos integrantes do Bolsa Família foi divulgado, e os pagamentos inclusive já foram iniciados e serão concluídos nesta semana.

Menos parcelas

Comprovando o que havia sido sinalizado no texto da Medida Provisória que oficializou a nova extensão, o benefício terá um volume de cotas diferenciado. Isto porque, o governo federal realizará os pagamentos até o dia 31 de dezembro, independente de haver parcelas em aberto ou não.

Publicidade

Com isso, apenas os beneficiários que receberam a primeira parcela em abril terão direito às quatro cotas de R$ 300. Os pagamentos para este grupo será iniciado nesta quarta (30), e além de setembro, contemplará os meses de outubro, novembro e dezembro. 

Publicidade

“Quem passou a receber a partir de julho, por exemplo, terá direito às cinco parcelas de R$ 600 e a mais uma parcela do novo benefício, que será paga no mês de dezembro”, informou a Cidadania. 

Publicidade

Além do volume menor de parcelas, o Auxílio Emergencial Residual também atingirá menos trabalhadores, uma vez que com as regras fixadas, o Ministério da Cidadania faz um novo “pente fino”, impedindo várias pessoas de continuar recebendo o benefício. 

Confira abaixo como ficou o calendário:

Bolsa Família

Iniciado no último dia 17 de setembro, o cronograma de pagamentos para os beneficiários do Bolsa Família da sexta parcela será concluído nesta quarta-feira (30), quando o grupo que faz parte do NIS final 0 receberá a primeira cota de R$ 300.

Publicidade
Publicidade
Publicidade