in

Recuperado da Covid-19, padre celebra 1ª missa depois de contrair doença: ‘Hoje sou o milagre’

Religioso ficou 30 dias internados com sintomas graves da Covid-19 em Franca.

Foto: Reprodução/EPTV

A pandemia do coronavírus assolou muitos religiosos nos últimos meses. Em Orlândia, interior de São Paulo, o padre Everaldo Donizete Campanaro, de 49 anos, conseguiu se recuperar da doença e depois de 50 dias voltou a celebrar uma missa.

Publicidade

Na celebração realizada na última terça-feira (22), o religioso deu um testemunho da sua recuperação, e disse ser um “milagre”.

“Vocês estão me vendo aqui? Sim. Então, hoje eu sou o milagre”, disse o padre durante a celebração.

Publicidade

Recepção calorosa

Para a volta do padre Everaldo Campanaro, fieis enfeitaram a entrada da Paróquia Cristo Rei, situada no Jardim Boa Vista, com balões e fizeram uma carreata à noite para dar as boas-vindas ao sacerdote.

Publicidade

O religioso chegou a ficar 30 dias internado em uma unidade hospital de Franca, com sintomas graves da Covid-19. 

Publicidade

Amplamente aplaudido em sua saída do hospital, o sacerdote completou a sua recuperação da infecção do coronavírus em sua residência, onde já vinha se preparando para reassumir sua função de pároco. 

Números em Orlândia

De acordo com informações do último boletim epidemiológico, o município de Orlândia registra 928 casos confirmados da Covid-19, com 32 mortes e 780 pessoas curadas.

Em nível nacional, o Brasil já acumula a marca de 139.883 óbitos O número de infectados ultrapassa a casa dos 4,6 milhões. No ranking mundial, o país sul-americano só fica atrás de Estados Unidos e Índia.

Maior número de recuperados

Apesar do cenário delicado e ampla infecção, o Brasil ostenta o maior número de recuperados no mundo, acumulando cerca de 85%. A média global é de 73%.

Publicidade
Publicidade
Publicidade