in

Bilhete de garoto de 7 anos que riscou carro em acidente de bicicleta viraliza: ‘Como ficar bravo?’

Bilhete com pedido de desculpas do menino de 7 anos viralizou nas redes sociais.

G1/Montagem Renato Almeida

Um post com um pedido de desculpas após um incidente por causa de um veículo riscado acabou viralizando na web. No bilhete, o menino diz que se desequilibrou da bicicleta e bateu no carro. Para finalizar, o garoto fez questão de escrever o telefone do pai para poder pagar pelo conserto.

Publicidade

Marcelo Martins, o dono do carro ficou sensibilizado com a postura do menino e compartilhou o bilhete em sua rede social. Na legenda, ele escreveu a pergunta: “Como ficar bravo com essa criança?”. A imagem viralizou nas redes sociais e obteve mais de 350 mil curtidas e chegou a 35 mil compartilhamentos.

O autor do bilhete é o pequeno Benício, de sete anos. Ele estava andando de bicicleta na companhia do pai quando acabou se desequilibrando e batendo com o guidão no automóvel. De acordo com o pai da criança, Marcel Weiss Hoffmann, o filho não ficou sossegado enquanto não encontrou uma solução para tentar amenizar o estrago.

Publicidade

“Ele ficou muito incomodado, ficou perguntando se ia custar caro. Ele até juntou um trocadinho dele e ficou se lamentando que o dinheirinho dele não ia dar para pagar”, explicou Marcel. Já o dono do veículo contou que sequer havia notado o risco na lataria e somente percebeu quando se deparou com o bilhete.

Publicidade

A gente acha que alguém que bate no seu carro pode sair correndo, ainda mais nesta idade, mas eu achei um gesto de uma doçura, de uma honestidade grande“, ressaltou Marcelo, o dono do carro que ficou arranhado.

Publicidade

O pai da criança se sentiu super orgulhoso do filho. O pequeno Benício mesmo com pouca idade encarou a situação com muita maturidade dando um show de cidadania. O garoto disse que seu objetivo era poder consertar o prejuízo que havia causado com o incidente de bicicleta. Segundo ele, provocar um problema e não resolver não é uma coisa boa.

A verdade é que a criança teve uma atitude diferente de muitos casos em que adultos se envolvem em acidentes e fogem do local sem prestar socorro. Por esse motivo, o pequeno Benício serve de exemplo para a sociedade.

Publicidade
Publicidade