in

Terremoto de magnitude 6,9 atinge o Atlântico próximo a Fernando de Noronha; não há risco de tsunami

Quem registrou o evento foi o Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, às 21h43.

Diário de Pernambuco

De acordo com o site Diário de Pernambuco, na noite desta sexta-feira, 18 de setembro, um terremoto de magnitude 6,9 atingiu o Atlântico próximo ao arquipélago de São Pedro e São Paulo.

Publicidade

Quem registrou o evento foi o Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, às 21h43. 

O epicentro a cerca de 282 km a leste de São Pedro e São Paulo, a 816 km a nordeste de Fernando de Noronha, 1.193 km de Natal e 1.338 km do Recife. 

Publicidade


“Dada a magnitude e a proximidade de São Pedro e São Paulo é possível que o evento tenha sido sentido pelos pesquisadores que da região”
, destacou a Rede Sismográfica Brasileira. 

Publicidade

Risco de tsunami já foi descartado

É provável que novos tremores ocorram nas próximas horas ou dias, mas foi descartado o risco de tsunami. Isso porque as chamadas falhas transcorrentes – movimentos direcionais provocados por eixos de maior tensão e maior tração na horizontal, não provocam tsunamis quando acontecem no meio do oceano, mesmo em grandes magnitudes.

Publicidade

Este não é o primeiro terremoto próximo ao arquipélago

Um tremor de magnitude 5,8 foi registrado em agosto de 2019 com epicentro a 740km da ilha. No dia do evento, boatos de que um tsunami ocorreria circularam pela internet e deixou muita gente apavorada. Isso porque, só é possível sair da ilha através de transporte aéreo, com dois voos diários. Mas assim como o de hoje, não houve risco de tsunami.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Anna Müller

Bastante ativa nas redes sociais, escrevo conteúdo sobre os mais diversos assuntos para a plataforma i7 Network.