in

Auxílio Emergencial: Caixa libera novas parcelas para mais de 4 milhões nesta sexta (04)

Benefício teve a sua prorrogação oficializada nesta semana e foi estendido até dezembro.

UOL

Seguindo o cronograma do Auxílio Emergencial, a Caixa Econômica Federal (CEF) paga nesta sexta-feira (4) uma nova parcela do benefício. Ao todo, 4,1 milhões de brasileiros nascidos em março, receberão o crédito dos R$ 600 na poupança digital. O número da parcela dependerá do tempo em que o beneficiário se cadastrou no programa.

Publicidade

Enquanto os demais grupos ainda recebem o montante dos R$ 600, os beneficiários do Bolsa Família tiveram seu respectivo calendário se encerrando no dia 31 de agosto. Agora estes brasileiros aguardam a oficialização do cronograma das próximas parcelas no valor de R$ 300, que deve ocorrer nos próximos dias.

Os grupos que recebem o crédito no dia de hoje poderão utilizar o dinheiro, por intermédio do aplicativo Caixa Tem, para realizar pagamentos e efetuar compras. Saques e transferências para os beneficiários que recebem hoje só será liberado no dia 29 de setembro. 

Publicidade

Quem recebe hoje?

  • Primeiro lote – 5ª parcela
  • Segundo lote – 4ª parcela
  • Terceiro e quarto lotes – 3ª parcela
  • Quinto e sexto lotes – 2ª parcela
  • Sétimo lote – 1ª parcela
  • Aprovados no primeiro lote, mas que tiveram o benefício suspenso, recebem a quinta parcela; 
  • Aprovados em outros lotes, que receberam a primeira parcela em meses anteriores, mas tiveram o pagamento reavaliado em agosto, recebem todas as parcelas restantes, até a quinta.

Nova prorrogação

Na última terça-feira (1º), o presidente Jair Bolsonaro oficializou a nova prorrogação do Auxílio Emergencial, que será vigente por mais quatro meses. O valor das novas parcelas, no entanto, caiu para R$ 300. Ontem (03), a medida provisória apareceu no Diário Oficial da União (DOU).

Publicidade

O calendário para os novos pagamentos ainda não foi revelado. Ao que tudo indica, os beneficiários do Bolsa Família, que possuem exclusividade, devem começar a receber a partir do dia 18 de setembro, tendo como base o dígito final do NIS (Número de Identificação Social).

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade