in

Eleições 2020: TSE anuncia novidades no horário de votação e prioridades para grupo de brasileiros

Pleito eleitoral sofreu alteração por conta da pandemia e teve novas mudanças anunciadas nesta sexta-feira (28).

Época

As eleições 2020 para a escolha de prefeito e vereadores dos municípios brasileiros terá uma hora a mais para votação. A novidade foi anunciada nesta sexta-feira (28) pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o ministro Luís Roberto Barroso. A alteração se dá por conta da pandemia da Covid-19.

Publicidade

Diante disso, o horário de votação será das 7h até às 17h (considerando o horário local) no primeiro turno, agendado para o dia 15 de novembro. Em cidades que seja necessário o segundo turno, previsto para o dia 29 de novembro, o mesmo horário deve ser aplicado.

Prioridade na votação

Publicidade

Além de uma hora extra, o TSE também informou que as eleições municipais terão um período preferencial para pessoas acima dos 60 anos, que integram o grupo de risco da Covid-19. Estes terão prioridade na votação entre 7h às 10h. 

Publicidade

O intuito do TSE é garantir que o eleitor vote com mais segurança, tendo um tempo maior para se organizar para ir às urnas, além de ter o intuito de diminuir a possibilidade de aglomeração nos locais de votação.

Publicidade

Medidas para eleições 2020

De acordo com Barroso, o TSE adotará todas as medidas possíveis com intuito de garantir a segurança dos eleitores e mesários no dia da votação. Empresas e entidades doarão milhares de equipamentos de proteção individual, bem como álcool em gel e spray para quem for trabalhar na eleição.

“Nós estamos fazendo todo o possível para conciliar, na maior medida, a saúde pública da população com as demandas da democracia”, disse o presidente do TSE. Os eleitores também terão álcool disponibilizados para o uso dentro dos colégios eleitorais.

Publicidade