in

Padre pede perdão após desejar morte de fiéis que não vão à missa durante pandemia; vídeo

Religioso foi amplamente criticado após declarações polêmicas dadas no último domingo (23).

Reprodução -Facebook

Depois de viralizar por conta de comentários fortes feitos na celebração de uma missa no último fim de semana, o Padre Antônio Firmino, responsável pela Paróquia São João Batista, em Visconde de Rio Branco (MG), apareceu em suas redes sociais para pedir desculpas publicamente.

Publicidade

Na oportunidade, o religioso disse que os fiéis que não estavam frequentando a igreja durante a pandemia podiam ser classificados como “sem fé” e que deveriam morrer, ou não aparecer vacina para eles.

Em seu perfil no Facebook e também na página oficial da paróquia, o Padre considerou o comentário como “infeliz” e desculpou pelo erro nesta terça-feira (25). “Tenho que pedir desculpas para aquelas pessoas que se sentiram ofendidas com as minhas palavras”, disse o religioso no vídeo publicado.

Publicidade

Nota de retratação do Revmo. Padre Antônio Firmino Lopes Lana, pároco.

Nota de retratação do Revmo. Padre Antônio Firmino Lopes Lana, pároco.

Gepostet von Paróquia São João Batista – Visc. Rio Branco am Dienstag, 25. August 2020

Publicidade

Pedindo perdão aos fiéis pelo erro cometido, Antônio Firmino ainda afirmou que é “fraco“. “Sou pecador e tenho as minhas misérias e preciso ter misericórdia de todos vocês”, concluiu o paróco. Veja o polêmico vídeo abaixo:

Publicidade

Repercussão

Durante a transmissão da missa nas redes sociais da paróquia, o padre Antônio Firmino foi amplamente criticado por pessoas que acompanhavam a celebração. Posteriormente, o vídeo viralizou na web, aumentando as críticas.

No vídeo publicado nesta manhã (25), o sacerdote, no entanto, recebeu várias mensagens de apoio dos fiéis, poucos ainda apareceram para tecer algum comentário criticando a sua atitude. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade