in

Tio de menina de 10 anos diz que tinha ‘relacionamento’ com ela e nega abuso

Suspeito de estuprar e engravidar a sobrinha de 10 anos, em São Mateus, no Espírito Santo, o homem de 33 anos negou o abuso.

Abuso

O tio acusado de ter estuprado a própria sobrinha dos 6 aos 10 anos de idade, e que também teria engravidado a menor, diferente do que chegaram a dizer algumas autoridades do Espírito Santo, negou que tenha abusado da sobrinha. Ele explicou na delegacia outra teoria, que assustou até os policiais. De acordo com o tio da menina, ele e ela tinham um “relacionamento amoroso”.

Publicidade

O homem que não teve a identidade revelada pela polícia disse ainda que esse “relacionamento” teria começado em 2019, diferente da versão da vítima, que alegou que o fato ocorreria desde os seus 6 anos de idade.

A Polícia Civil trouxe ainda novos detalhes sobre a fala do homem. A polícia fez questão de enfatizar que, ainda que a vítima consentisse os atos, pela lei brasileira, relações com menores de 14 anos são consideradas criminosas.

Publicidade

“Não existe essa questão de consentimento, isso não é válido”, explicou o delegado do caso, José Darcy Arruda.
O policial ainda deu outros detalhes sobre o depoimento do homem diante de jornalistas. “Um só estupro já era suficiente para configurar o crime, mas, com essa declaração dele, de mais estupros, a situação criminal dele se agrava”, disse o delegado do caso.

Publicidade

O homem alega ainda que o avô e outro homem que teria acesso à criança teria abusado da garota. A polícia aguarda um laudo para confirmar se o feto retirado do corpo da criança tem DNA do preso. No entanto, até novas respostas do caso serem encontradas, o homem continuará preso no Espírito Santo, estado em que os crimes teriam ocorrido.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.