in

Covid-19: Datafolha faz pesquisa sobre vacina e número de brasileiros que não querem imunizante impacta

Alguns imunizantes já estão em estágio final de testes em solo nacional.

REUTERS/Dado Ruvic - Jovem Pan

A pandemia do coronavírus segue assolando o Brasil em larga escala. Tido como um dos principais epicentros do mundo, o país sul-americano tem registrado uma média elevada nas últimas semanas entre novos casos de infectados e óbitos. A grande esperança para o mundo científico e para a população global é a chegada de uma vacina contra a Covid-19, que já se encontra em franco desenvolvimento.

Publicidade

Na noite do último sábado (15), a Folha de S. Paulo divulgou uma pesquisa promovida pelo Datafolha que ouviu milhares de brasileiros acerca da vacina contra o coronavírus. Em sua grande maioria, a população nacional afirmou que pretende receber a dose do imunizante. Contudo, uma parcela significativa se mostrou contrária à vacinação. 

A pergunta do Instituto ao entrevistado foi direta: “Quando sair a vacina contra a Covid-19 você pretende se vacinar?”

Publicidade

Dos 2.065 brasileiros entrevistados, 89% sinalizaram que desejam receber a vacina, enquanto outros 9% (cerca de 185 pessoas) se mostraram contra o imunizante, e outros 3% afirmaram que não sabem. 

Publicidade

A pesquisa

O levantamento do Datafolha foi realizado entre os dias 11 de 12 agosto, e ouviu brasileiros adultos através de telefone celular em todas as regiões e estados do país. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Publicidade

Prazo

O Instituto Datafolha também questionou aos entrevistados sobre a expectativa do prazo para o início da distribuição da vacina para a população. Cerca de 46% dos ouvidos apontaram que o imunizante chega ainda no primeiro semestre de 2021, 22% afirmaram que a vacina só virá no fim de 2021, 25% acreditam que o imunizante chega ainda neste ano, e outros 5% disseram não saber.

Publicidade
Publicidade