in

Irmãs portadoras de síndrome rara são vítimas de piadas e xingamentos na internet

Jovens Laryssa e Tamyres Marcondes passaram a receber ataques ao publicarem um vídeo no aplicativo TikTok.

Instagram Tamyres Marcondes

As irmãs Laryssa e Tamyres Marcondes, de 20 e 18 anos, nasceram em Caieiras, São Paulo e possuem uma rara síndrome chamada Freeman Sheldon. No último sábado (8), as jovens publicaram um vídeo no aplicativo TikTok, e passaram a receber ataques e ofensas por parte de alguns internautas.

Publicidade

De acordo com Gabriela Marcondes, prima das irmãs, no domingo (9), a família percebeu que o vídeo havia viralizado, porém, de uma forma negativa, já que as jovens estavam recebendo comentários de deboche em relação à condição física. O vídeo foi excluído do TikTok, porém, Tamyres manteve a publicação em seu Instagram.

Segundo O Estadão, o vídeo já conta com quase 100 mil visualizações. A prima das jovens revelou, ainda, que os médicos não teriam fechado um diagnóstico sobre a síndrome por ser muito rara e não haver exames que a comprovam. Porém, de acordo com Gabriela, as meninas possuem todas as características da síndrome.

Publicidade

Laryssa usou bota ortopédica para endireitar os pés, que nasceram virados para dentro. Os ossos das mãos têm deformações. Também há problemas na fala”, contou a prima das irmãs. Após a repercussão do caso, as meninas receberam apoio de anônimos e famosos como Naiara Azevedo e Tati Zaqui.

Publicidade

View this post on Instagram

@marcondes_laryssa ❤?

A post shared by Tamyres Marcondes (@marcondestamyres) on

Publicidade

A prima das irmãs contou que as jovens são muito humildes, e ficaram muito abaladas com todos os ataques recebidos, a ponto de desativarem seus perfis no Facebook. A família de Tamyres e Laryssa fizeram uma denúncia por Cyberbullying e buscam apoio para derrubarem os posts com comentários maldosos.

Publicidade
Publicidade