in

Auxílio Emergencial: nova parcela do benefício tem calendário de pagamento definido pela Caixa

Auxílio Emergencial ainda pode ser prorrogado mais uma vez pelo governo federal.

O Globo

A última parcela do Auxílio Emergencial já tem data definida para ser paga aos milhares de brasileiros cadastrados no benefício. No próximo dia 18, a Caixa Econômica Federal (CEF), inicia o pagamento para os beneficiários que integram o programa Bolsa Família. Dez dias mais tarde, será dado início ao cronograma de crédito aos inscritos via site, aplicativo ou Cadastro Único.

Publicidade

A exemplo de outras parcelas, os brasileiros que integram o programa Bolsa Família tem prioridade no recebimento dos R$ 600, e já são contemplados com o dinheiro em espécie nas agências da CEF.

Já os demais beneficiários recebem o crédito na poupança social, no qual através do aplicativo Caixa Tem podem efetuar pagamentos de contas e realizar compras por meio do cartão de débito digital, e somente depois podem sacar ou transferir o montante de R$ 600 para sua conta.

Publicidade

O calendário dos beneficiários do Bolsa Família continuará seguindo o dígito final do NIS (Número de Identificação Social). Veja o calendário abaixo.

Publicidade

Bolsa Família

  • NIS de final 1 – 18 de agosto
  • NIS de final 2 – 19 de agosto
  • NIS de final 3 – 20 de agosto
  • NIS de final 4 – 21 de agosto
  • NIS de final 5 – 24 de agosto
  • NIS de final 6 – 25 de agosto
  • NIS de final 7 – 26 de agosto
  • NIS de final 8 – 27 de agosto
  • NIS de final 9 – 28 de agosto
  • NIS de final 0 – 31 de agosto

Calendário para os outros beneficiários

  • 5ª parcela para quem recebeu a primeira em abril
  • 4ª parcela para quem recebeu a primeira em maio
  • 3ª parcela para quem recebeu a primeira em junho
  • 2ª parcela para quem recebeu a primeira em julho

Para este grupo, os pagamentos com depósito na poupança digital serão iniciados no dia 28 de agosto, com os beneficiários nascidos em janeiro. A sequência do cronograma traz os dias 2, 4, 9, 11, 16, 18, 23, 25, 28 e 30 de setembro. Já a liberação para saques e transferências serão iniciados no dia 19 de setembro e se estenderá até 27 de outubro.

Publicidade
Publicidade
Publicidade