in

Auxílio Emergencial: Caixa faz cinco pagamentos diferentes do benefício hoje (22); quem recebe?

Auxílio Emergencial terá duas últimas parcelas pagas nos próximos meses, e não deve ser renovado.

UOL

Após iniciar o pagamento dos beneficiários do programa Bolsa Família neste início de semana, a Caixa Econômica Federal efetuará nesta quarta-feira (22) cinco pagamentos diferentes do Auxílio Emergencial. Além de dar continuidade nos cadastrados do Bolsa Família, o banco estatal creditará na poupança digital a 4ª, 3ª, 2ª ou 1ª parcela, de acordo com data de aprovação, e com brasileiros que nasceram em janeiro.

Publicidade

A prioridade para saque é apenas para integrantes do Bolsa Família. Nesta quarta (22), o pagamento dos R$ 600 será para pessoas com o dígito final do NIS (Número de Identificação Social) 3.

Os demais beneficiários, cadastrados via site ou aplicativo, continuarão com o mesmo sistema: recebem o crédito na poupança digital, para realização de pagamentos e compras através do cartão de débito virtual, e posteriormente poderão efetuar transferências e saques.

Publicidade

Cronograma desta quarta (22):

  • 1ª parcela: quem teve o cadastro aprovado em julho e não recebeu nenhum pagamento
  • 2ª parcela: quem começou a receber o auxílio entre o final de junho e o começo de julho
  • 3ª parcela: quem começou a receber o auxílio em maio
  • 4ª parcela: quem começou a receber o auxílio em abril

O cronograma para saques e transferências para este grupo será iniciado no dia 25 de julho.

Publicidade

Últimos pagamentos

As parcelas adicionais que representarão um gasto a mais de R$ 100 bilhões, devem ser as últimas pagas para a população brasileira. O presidente Jair Bolsonaro já sinalizou algumas vezes que seria inviável continuar com o benefício, uma vez que a manutenção do programa poderia afetar diretamente a saúde da economia nacional.

Publicidade

O governo federal, no entanto, está prestes a lançar um programa intitulado de Renda Brasil, mas este não atenderia uma parcela tão significativa como o Auxílio Emergencial.

Publicidade