in

Lendo a bíblia todo dia, sem amigos e obeso: o dia a dia do Maníaco do Parque, condenado a 284 anos de prisão

Maníaco do Parque está preso desde 5 de agosto de 1998 e foi condenado a 284 anos, 11 meses e 21 dias de prisão.

UOL

Aos 52 anos, um dos presos mais conhecidos do Brasil continua sendo o Maníaco do Parque. Esse é o apelido que ganhou Francisco de Assis Pereira. Atualmente, ele está preso em São Paulo. A detenção do Maníaco do Parque ocorreu há 22 anos, após uma série de crimes em São Paulo que envolviam mulheres. 

Publicidade

Maníaco do Parque vendia toalhas bordadas por ele mesmo para parentes de presos

Mas o que faz na cadeia Francisco? Todos os dias, Maníaco do Parque fica horas sozinho em um dos pátios do Pavilhão 3 da Penitenciária de Laras, localizada no estado de São Paulo. Com cara de triste e quieto, ele usa o tempo para fazer crochê e tricô, bordando toalhas e tapetes para banheiros. 

Maníaco do Parque vendia os tapetes para parentes de presos que visitavam os outros detentos na cadeia. A venda, é claro, parou no final do mês de março em virtude da pandemia de coronavírus. Aliás, o medo da Covid-19 também chegou para um dos homens mais temidos do país. 

Publicidade

Antes de fazer a venda das toalhas, o Maníaco do Parque trabalhava em uma fábrica dentro da cadeia fazendo roupas para bailarinos. No entanto, no começo do ano, os serviços ali foram encerrados. O preso não tem amigos na cadeia e prefere ficar sozinho a maior parte do tempo.

Publicidade

Segundo os agentes penitenciários, Francisco lê a bíblia diariamente e, pelo menos uma vez por semana, vai ao culto evangélico dentro da cadeia. Nas orações, ele mantém a discrição. Não fosse sua fama, poucos saberiam ali dentro quem realmente ele é. O Maníaco do Parque está atualmente obeso. Ele tem 1,70 e 100 quilos. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.