in

Menino que atuava como Homem Pateta abre jogo com polícia e se diz arrependido: ‘Era brincadeira’

Menor de idade disse que ação era ‘brincadeira’; caso colocou em pânico pais de todo o Brasil.

R7

O Homem Pateta tem tirado o sono de muitas famílias em todo o mundo. Nesta quinta-feira, 16 de julho, a Polícia Civil deu novos detalhes sobre a operação que descobriu o menor de idade que estaria envolvido no caso. O garoto tem apenas doze anos de idade e é uma das pessoas que estaria estimulando outras crianças a participarem do game online. 

Publicidade

A preocupação de pais e da polícia é que o perfil esteja ameaçando crianças e as incentivando até a tirar a própria vida. O menino teria feito o perfil para ameaçar os próprios colegas de sala de aula, na região de Sorocaba, no estado de São Paulo. O adolescente, no entanto, disse aos agentes da polícia que estava arrependido e que tudo “era uma brincadeira“. 

O menino, segundo informações do portal de notícias do R7, acabou sendo descoberto, após dezenas de pessoas o denunciarem. Algumas das crianças que eram ameaçadas pelo garoto procuraram seus pais, que deram queixas. Em todos os casos, o modelo usado para assombrar os menores era o mesmo, o uso do personagem que ficou conhecido como Homem Pateta. 

Publicidade

O delegado Rodrigo Ayres, responsável pelo caso, falou sobre o assunto. “Em um primeiro momento, ele achava que era uma brincadeira. Depois, quando esteve na delegacia, ele ‘tomou pé’ da repercussão e pareceu arrependido. Os pais também desconheciam que ele estava realizando este ato infracional”, disse o profissional, ao esclarecer sobre o assunto. 

Publicidade

O menino disse à polícia que viu um vídeo na internet de outro Homem Pateta e decidiu copiar a ideia, enviando os desafios e fazendo as ameaças. Por sorte, nenhuma criança cedeu à “brincadeira”. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.