in

Antes em estado grave, avó de Michelle Bolsonaro tem alteração incrível no quadro de Covid-19

Maria Aparecida está internada desde o início do mês, e apesar de ainda estar entubada, vem evoluindo.

Globo - Montagem

Internada no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), em Brasília), desde o início do mês, a avó materna da primeira-dama Michelle Bolsonaro, tem apresentado uma evolução significativa em sua luta contra a Covid-19. De acordo com informações do Metrópoles, Maria Aparecida Firmo Ferreira, de 80 anos, tem reagido bem às medicações, e não apresentou nenhum efeito colateral da doença.

Publicidade

A aposentada ainda se encontra entubada, mas com a ventilação reduzida, e medicamentos vasoativos suspensos, e uma sedação leve. A melhora no quadro de saúde da avó de Michelle Bolsonaro culminou nesta decisão dos intensivistas da unidade hospitalar. 

Maria Aparecida continua sendo alimentada por meio de uma sonda enteral. A sua recuperação tem reduzido os riscos de infecção, uma vez que a idosa não faz uso dos antibióticos há alguns dias. Na última semana, ela não apresentou quadro de febre e tem o funcionamento do sistema renal ocorrendo normalmente, contribuindo assim para a estabilidade em seu quadro clínico.

Publicidade

Internação e evolução

A avó da primeira-dama, que não possui uma relação próxima com a neta, foi transferida para o HRSM no dia 1º de julho. Após o atendimento inicial ainda nos boxes de emergência do hospital, a idosa foi internada, e o diagnóstico preliminar apontava um comprometimento de 78% do pulmão, fato que preocupou os médicos. No entanto, a evolução de Maria Aparecida tem sido significativa desde então. 

Publicidade

Inicialmente, a idosa de 80 anos foi levada ao Hospital Regional de Ceilândia por um vizinho que se deparou com Maria Aparecida desmaiada em uma das ruas do Sol Nascente, onde ela mora. Ela teve falta de ar, passou mal e acabou caindo na rua, sendo encontrada desacordada na porta de uma farmácia.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade