in

Caixa define calendário inicial da quarta parcela do Auxílio Emergencial; quem recebe primeiro?

Governo Federal anunciou a extensão do Auxílio Emergencial no fim de junho.

Agência Brasil

Alento aos brasileiros em tempos de crise por conta da pandemia do coronavírus, o Auxílio Emergencial já tem um cronograma definido para o pagamento da primeira parcela extra do benefício. A exemplo de outros pagamentos, a Caixa Econômica Federal dará prioridade aos integrantes do programa Bolsa Família, iniciando os pagamentos já na próxima semana.

Publicidade

A partir da próxima segunda-feira (20), beneficiários do Auxílio Emergencial cadastrados no Bolsa Família passarão a receber a primeira parcela adicional baseado no dígito final do NIS (Número de Identificação Social), iniciando pelos cadastrados com NIS Final 1, seguindo de forma gradual. Os últimos serão beneficiários com NIS final 0.

Valor fixado

Os integrantes do programa Bolsa Família vão receber os R$ 600 de forma integral (R$ 1,2 mil para mães chefe de família). Para os outros beneficiários ainda não está confirmado. Ao confirmar a prorrogação do Auxílio, o ministro Paulo Guedes sinalizou que as parcelas extras seriam desmembradas em vários pagamentos.

Publicidade

Ainda não há um calendário pré-definido para os demais integrantes do Auxílio Emergencial, mas o dinheiro deve começar a ser creditado na poupança digital ainda neste mês. A exemplo do pagamento de outras parcelas, haverá um cronograma diferenciado para realização de saques e transferências.

Publicidade

Números elevados

De acordo com a Caixa Econômica Federal, mais de 65 milhões de pessoas já foram contempladas com ao menos uma parcela do Auxílio Emergencial. Com a efetivação das parcelas adicionais, o governo federal terá um gasto superior aos R$ 200 bilhões.

Publicidade

Em live recente, o presidente Jair Bolsonaro alertou que o governo não poderia estender mais o programa para não complicar a saúde financeira do Brasil.

Publicidade
Publicidade