in

Ex-presidente da Câmara morre em Recife; causa do falecimento ainda não foi revelada

Várias parlamentares, partidos e admiradores do ex-parlamentar lamentaram o seu falecimento na web.

R7

Figura icônica da política por várias décadas, o ex-presidente da Câmara dos Deputados, Severino Cavalcanti faleceu na madrugada desta quarta-feira (15), aos 89 anos. Severino morreu em seu apartamento situado no bairro de Boa Viagem, na capital pernambucana.

Publicidade

Até o momento, não há informações sobre a causa da morte do ex-deputado federal. O enterro do ex-parlamentar está previsto para acontecer às 15h (de Brasília), em sua cidade natal, na cidade de João Alfredo, situada no Agreste Pernambucano.

Severino José Cavalcanti Ferreira atuou como deputado federal em três mandatos, entre 1995 e 1999, entre 1999 e 2003 e entre 2003 e 2007.

Publicidade

Além de sua atuação como deputado federal, Severino também atuou como deputado estadual entre os anos de 1967 e 1995. Em seus primeiros passos como político, ele foi prefeito de João Alfredo, entre 1964 e 1966. Anos mais tarde, – 2009 e 2012 – já encerrando a sua vida política, ele ainda atuou novamente como prefeito do município do Agreste de Pernambuco.

Publicidade

Forte repercussão

Nas redes sociais diversos parlamentares, partidos e governantes lamentaram o falecimento de Severino Cavalcanti, que se tornou referência política para muitos. 

Publicidade

“Com tristeza, nos despedimos de Severino Cavalcanti. Ex-prefeito e ex-deputado federal, Severino foi presidente da Câmara dos Deputados e deixa sua marca na história do município de João Alfredo e na política de Pernambuco. […]”, publicou Fernando Bezerra, senador pelo MDB.

“Severino Cavalcanti, protagonista de uma das madrugadas mais malucas que Brasília vivenciou na década passada, morreu”, lamentou um internauta.

Publicidade
Publicidade
Publicidade