in

Mulher negra que teve perna quebrada e foi pisoteada no pescoço achou ‘que ia morrer como George Floyd’

A vítima participou de uma entrevista ao Encontro com Fátima Bernardes, na Globo, narrando os medos que vivenciou no momento.

Globo/Fantástico | Reprodução

A comerciante negra de 51 anos pisoteada no pescoço por um policial durante uma operação em São Paulo deu entrevista para o Encontro com Fátima Bernardes, na Globo, e contou detalhes sobre a violência sofrida. Quando estava imobilizada no chão, com o pé do policial lhe prendendo o pescoço, disse ter imaginado que morreria da mesma maneira de George Floyd.

Publicidade

Vítima narra o medo que teve da morte

“Ele [o policial] não chegou abordando, chegou agredindo”, afirma a idosa, que preferiu não divulgar a sua identidade. “Achei que ia morrer que nem ele”, fazendo referência ao afro-americano George Floyd, covardemente morto durante uma incursão policial, sendo asfixiado por um agente em Minneapolis, Minnesota, nos Estados Unidos.

“Estavam em três, mas só um estava violento. O bairro é visitado por viaturas todos os dias, mas ele não chegou normal; não estava normal”, recorda a vítima. Segundo ela, os outros dois policiais, que abordavam outros rapazes, agiam de maneira normal, ao passo que o militar que a imobilizou, “como um monstro”.

Publicidade

O que disseram os policiais envolvidos

O episódio foi registrado em Parelheiros, bairro localizado na Zona Sul de São Paulo (SP). Em defesa, os policiais disseram que inicialmente foram atacados por uma barra de ferro, e que estariam apenas se defendendo. Ao contrário, pelo que é possível ver nas imagens, sobre o pescoço da idosa o policial militar põe todo o peso de seu corpo.

Publicidade

A vítima, na mesma entrevista ao Encontro, disse que ainda não voltou ao local do incidente, onde fica o seu comércio, um pequeno bar, de onde sai a renda para o sustento de cinco filhos e dois netos. A idosa alega não ter condições psicológicas nem físicas para tal. Após a abordagem, foi levada ao hospital, sendo constatada uma perna quebrada, além de ferimentos no rosto.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Henrique Furtado

Henrique Furtado é um redator com vasta experiência no jornalismo online. Solidificou sua carreira com coberturas marcantes sobre os principais acontecimentos no Brasil e no mundo ao longo da última década. Suas especialidades englobam desde os bastidores da política, versando por esportes, atualidades e, claro, tudo o que acontece no mundo dos famosos. Está sempre ligado para entregar, em primeira mão, as últimas novidades para os seus leitores, 24 horas por dia, 7 dias por semana, 365 dias por ano.

Contato: henriquefurtado.jornalista@gmail.com